APJ
21/06/16 06:16 - Presidente Prudente

Doações aquecem comunidade prudentina

Além da entrega de peças a 2 entidades, feita pelo grupo Amigos do Jardim Brasília, igreja ofereceu mais de 15 mil itens

Oslaine Silva

Ontem, pessoas podiam escolher o que precisavam na Igreja Evangélica da Paz, no Cambuci

As temperaturas estão baixas, mas os corações de muita gente estão aquecidos. Ontem, dois grupos realizaram ações beneficentes em Presidente Prudente com doações de agasalhos, cobertores e calçados. Um deles foi o grupo Amigos Unidos do Jardim Brasília, que fez a entrega ao Lar dos Meninos e Santa Filomena. E no Jardim Cambuci, a comunidade local pode escolher o que precisa, na Igreja Evangélica da Paz.

Representando o grupo, que é formado por dez amigos, ex-jogadores de futebol amador, estiveram o presidente Milton do Nascimento, 52 anos, que é porteiro e um dos integrantes do elenco; e José Paulo Pereira, 54 anos, comerciário. Segundo eles, há algum tempo a turma vem realizando iniciativas voluntárias que possam beneficiar os que mais necessitam.

“Começamos com caçambas para recolhimento de entulhos, com o objetivo de contribuir na campanha contra a dengue. Com as frentes frias inesperadas, antes mesmo do inverno chegar, resolvemos arrecadar alguns itens com os colegas e vizinhos para essas instituições que cuidam de tantas crianças. Estamos também com um projeto de assistência às pessoas que precisam de medicação. Modestamente queremos ser úteis”, expõe José Paulo.

Segundo a assistente social do Lar dos Meninos, Marisa Maria de Oliveira Masiero, a comunidade é a maior parceira em suprir todas as necessidades da casa e nesse período de frio os donativos nunca são demais. “Trabalhamos com uma rotatividade grande de crianças e quando elas vão embora levam seus pertences. Por isso é sempre importante todo tipo de doação de roupas e calçados. E nada se perde, porque o que não serve para os atendidos é colocado em nosso brechó para angariar fundos para o que for necessário. Agradecemos a todos que colaboram conosco”, agradece.

Milton se alegra e diz que é uma satisfação saber que pequenas ações surtem resultado positivo e podem se tornar grandes.

Missão cumprida

Igualmente satisfeitos estavam os membros da Igreja Evangélica da Paz, localizada no Jardim Cambuci, que abriu suas portas logo cedo para receber as pessoas para pegarem uma peça de roupa, ou um sapato, uma coberta. Ou seja, o que elas precisassem, dentre mais de 15 mil peças.

Conforme a pastora Marcela Cristina Ramos Oliveira, 40 anos, algumas doações foram dos próprios irmãos e a maior parte da Campanha do Agasalho promovida pelo Fundo Social de Solidariedade de Prudente. “Todos os anos, além desta, somos agraciados também com a Campanha Natal sem Fome! Nosso sentimento em poder ajudar as pessoas é de missão cumprida, que é o que a igreja preza, inclusive com um projeto na África onde trabalhamos, dando o que comer, para mais de 500 crianças. Precisamos oferecer, distribuir amor. Mostrar mais solidariedade ao próximo, coisa que o ser humano tem se esquecido”, ressalta a pastora.

Contexto Paulista